0
Suco Detox com spirulina

É quase impossível viver em um ambiente isento de toxinas que prejudicam nossa saúde. No entanto, é muito importante diminuir o impacto delas, favorecendo os processos naturais que nosso corpo tem para eliminá-las. Iniciar um processo detox traz benefícios e afeta diretamente a nossa saúde, evitando a acumulação progressiva das toxinas em nosso organismo com suas graves consequências.

Há dois tipos mais comuns de intoxicações: as ligadas à alimentação e as relacionadas ao meio ambiente.
As primeiras se referem ao excesso de nitratos, de agrotóxicos, desequilíbrios hormonais, alimentação rica em gorduras saturadas, em carne, em açúcar. Podemos ainda incluir: álcool, tabaco, automedicação.

A desintoxicação do organismo passa por três processos:

– Diminuir a ingestão ou a produção de toxinas, procurando uma alimentação e uma higiene de vida adequada.
– Reforçar as funções dos cinco órgãos que filtram e eliminam as toxinas do nosso organismo: rins, fígado, intestinos, pulmões e pele.
– Utilizar suplementos que auxiliam o organismo nos seus processos de eliminação

Diminuir a ingestão de toxinas:

· Procurar consumir alimentos livres de agrotóxicos. Os agrotóxicos estão presentes em muitos alimentos e – em pequenas doses – até na água. Eles podem causar vários tipos de efeito à saúde. Já foi comprovado, inclusive que doenças como Parkinson, Alzheimer e alguns tipos de câncer têm ligação com o consumo e contato com pesticidas para os agricultores.

· Evitar a presença de grandes quantidades de produtos de degradação no organismo – como ácido úrico, ácido oxálico… – que podem se acumular e causar inflamações dos tecidos. Isso significa diminuir o consumo excessivo de industrializados, açúcar, carne e óleos. A assimilação desses excessos ainda sobrecarrega demais nossos órgãos. Nosso corpo tem uma capacidade limitada de tratar todos os excessos que a vida moderna lhe impõe. Por isso cabe a nós, estabelecer uma rotina mais saudável para não sobrecarregar o organismo.

Estimular as diferentes vias de filtração e limpeza do nosso organismo
Os nossos órgãos e células funcionam muito melhor sem esses compostos de degradação. Precisamos evacuá-los ao máximo, incentivando os processos naturais de detoxificação do corpo.

Manter os órgãos de filtração e detoxificação em bom estado é o primeiro passo para iniciar uma detox. Em ordem de importância, são eles: o fígado, os intestinos, os rins, a pele e os pulmões. Uma ótima forma de melhorar o funcionamento desses órgãos é de realizar uma drenagem durante 10 a 20 dias.

Neste período, suplementos alimentares vão estimular o funcionamento do órgão enquanto evitaremos todo excesso, além de álcool, tabaco e automedicação. Assim diminuiremos as inflamações ou hipersensibilidade destes órgãos, além de eliminar uma boa parte das toxinas.

Utilizar suplementos específicos

Alguns Suplementos e fitoterápicos diminuem perturbações fisiológicas como glicemia mal controlada, desequilíbrio do colesterol, dos triglicérides. Outros vão melhorar uma flora intestinal perturbada ou evitar as carências vitamínicas ou minerais.

Eles ajudam muito nos processos de drenagem e cada órgão tem seu fitoterápico específico.

Os suplementos podem agir na inflamação geral e ainda repor o que o corpo precisa.

Sugerimos a spirulina e seus shakes Vital+ como exemplo de suplemento alimentar. A spirulina é uma cyanobactéria, também chamada microalga verde azul, utilizada desde o tempo dos Aztecas. Ela contém altos teores de nutrientes essenciais, de antioxidantes e mais de 50% de proteínas com todos os aminoácidos essenciais.

Ela apresenta várias propriedades que vão auxiliar no processo de detoxificação:

– Ação protetora do fígado e dos rins contra toxinas químicas;
– Auxílio na regulação do colesterol;
– Ação anti-inflamatória do ácido graxo AGL (ácido gama linolênico), que é um dos intermediários de uma via natural de produção de anti-inflamatórios pelo corpo. A spirulina auxiliou na diminuição dos sintomas de rinites alérgicas e alívio nos sintomas de TPM;
– Ação de detoxificação dos metais pesados, que são quebrados pela ficocianina, um dos antioxidantes da spirulina.
– Ação antioxidante importante para proteção dos componentes das nossas células contra seu envelhecimento.
– Diminuição de eventuais carências de nutrientes, por ser rica em proteínas (55%) com aminoácidos essenciais, vitaminas e minerais.

Compartilhe com seus amigos!
Share on Facebook
Facebook
Share on Google+
Google+
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será compartilhado.

0

TOPO

X